27 maio

Aeris quer entrar no mercado offshore em até 4 anos

O diretor de Planejamento e de Relações com Investidores da Aeris Energy, Bruno Lolli, afirmou que quer entrar no mercado offshore de energia eólica em até 4 anos. O foco da fabricante de pás eólicas é alimentar o mercado de usinas offshore nos Estados Unidos, que planeja instalar 30 gigawatts desta fonte até 2030, e também o Brasil, que ainda não possui empreendimentos desta fonte.
Segundo o executivo, o mercado eólico offshore no mundo representa menos de 10% do total de instalações dos clientes. Ele diz que quase todas as pás destinadas a esse mercado são produzidas pelos próprios geradores, mas em pouco tempo o segmento passará a exigir um maior volume de entregas, o que deve obrigar as empresas produtoras de turbinas a terceirizar parte da produção.
“Com esse crescimento forte do segmento offshore, principalmente no nordeste dos Estados Unidos, a gente deve ter entrada nesse mercado nos próximos 3 ou 4 anos”.
Hoje a Aeris Energy fabrica apenas pás eólicas para turbinas de usinas onshore, mas os clientes da empresa já estão negociando com outras companhias que vão instalar parques offshore nos EUA e a Aeris quer ser uma das empresas fornecedoras.
Não é intenção da empresa se tornar uma montadora de aerogeradores nem verticalizar na cadeia produtiva, mas pretende desenvolver pás com mais de 100 metros. “A expansão que fizemos para atender a Siemens Gamesa é com estrutura fabril que é capacitada para pás de até 120 metros”.

Fonte: Canal Energia

Compartilhe